4 sinais de diabetes que surgem nas mãos

Postado em 27 de outubro de 2022


4 sinais de diabetes que surgem nas mãos e você provavelmente não sabe. A diabetes é um problema de saúde comum no mundo inteiro, porém os sintomas nem sempre são muito claros ao portador da doença.

Infelizmente, em alguns casos a enfermidade somente é diagnosticada quando o indivíduo tem algum tipo de mal-estar mais severo. Por isso, é importante estar atento aos sinais que o organismo dá de que alguma coisa não vai bem.

Os sintomas mais comuns são vontade de urinar com maior frequência, sede fora do normal, cansaço, visão desfocada e fome constante. Alguns pacientes apresentam esses sinais mais acabam não ligando a diabetes.

É extremamente importante ter atenção com qualquer tipo de anormalidade do corpo, pois descobrir qualquer doença no começo é sempre melhor para evitar impactos negativos no organismo.

Diabetes podem provocar outras alterações

Além dos sintomas citados anteriormente, a doença também pode causar outras alterações pouco conhecidas pela maior parte das pessoas. Muita gente não sabe, mas observar as mãos pode auxiliar no diagnóstico da condição. Isso porque em algumas situações pode ocorrer alterações nas unhas.

O sinal pode ser indicativo que o corpo está passando por altos níveis de glicose no sangue provocados pela diabetes. Segundo informação da Federação Internacional de Diabetes, a quantidade de pessoas com a doença sofreu um aumento de 74 milhões no último ano, sendo um total de 537 milhões de pessoas adultas no mundo. Cerca de 7% da população brasileira tem a enfermidade.

Estima-se que grande parte dos indivíduos com diabetes tipo 2 sequer sabem que tem a doença. Como é uma enfermidade silenciosa, é importante ter atenção aos sinais que podem ser observados nas mãos. Veja abaixo sinais de diabetes nas mãos.

4 sinais de diabetes que surgem nas mãos

Dedos travados

Conforme informação de uma pesquisa publicada pela Associação Americana de Diabetes, portadores do tipo 1 e tipo 2 tem maior propensão a ter dedos travados. No geral, ocorre com o dedo anelar ou polegar. O dedo fica em uma posição dobrada que é difícil de colocar na posição correta. Alguns casos podem ser necessários uma cirurgia para resolver o problema.

Vermelhidão ao redor das unhas

Portadores da doença tem problemas relacionados a circulação sanguínea. Por esse motivo, o paciente pode apresentar vermelhidão ao redor das unhas.

Linhas nas unhas

Indivíduos com diabetes podem ter a chamada Linha de Beau. Esse é um tipo de alteração linear transversal que acomete as unhas. O problema pode ocorrer nas mãos e também nos pés.

Unhas amareladas

A onicomicose é uma infecção por fungos comum em portadores de diabetes. A unha fica quebradiça e amarelado, além de mais irregulares e espessas. Em caso de dúvidas busque ajuda de um médico, pois somente o profissional é capaz de dar o diagnóstico correto.

Fonte: 1news

Leia também: 

Décimo terceiro do Auxílio Brasil vai ser pago?

 

Principais fatores de risco para que uma pessoa tenha alterações na glicemia:

  • idade de 45 anos ou mais;
  • ter parentes com diabetes;
  • estar acima do peso e com acúmulo de gordura no abdômen;
  • sedentarismo (não praticar exercícios ou atividades físicas);
  • ter pressão alta (Hipertensão Arterial), mesmo que controlada com medicamentos;
  • ter alterações das gorduras no sangue (níveis baixos de colesterol HDL e/ou triglicérides elevados);
  • mulher que teve diabetes durante a gravidez;
  • tenha sido diagnosticada com Síndrome do Ovário Policístico (SOP).

Faça os exames de rotina e converse com sua equipe médica. Fique de olho nos sintomas do diabetes que incluem aumento da sede, urinar mais, ter mais fome, cansaço e visão turva. lembre que o diabetes e o pré- diabetes podem não apresentar sintomas. Lembre-se sempre que pequenos passos podem fazer uma grande diferença na sua saúde.

 


Deixe sua Opinião:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido !! Compartilhe