Perdeu a CNH no Carnaval? Veja como regularizar o documento

Perder ou ter a CNH roubada pode ser um grande transtorno para os condutores, mas a boa notícia é que a solicitação de uma nova via do documento pode ser feita de forma simples e rápida pelo site do Detran|ES.

Para emitir a segunda via da CNH, o condutor capixaba pode acessar o serviço “2ª via de CNH” na área de serviços digitais de Habilitação no site do Detran|ES. Caso o documento tenha sido perdido ou danificado, o condutor deve preencher os campos com as informações solicitadas e emitir o Documento Único de Arrecadação (DUA) da taxa do serviço, que tem o valor de R$ 236,29. Após o pagamento, a CNH com os mesmos dados e validade será enviada para o endereço do condutor registrado no Detran|ES.

No caso de furto ou roubo do documento de habilitação, o processo é ainda mais simples. O condutor deve acessar o serviço “2ª via de CNH – sem ônus (furto ou roubo)” na área de serviços digitais de Habilitação e anexar um documento de identificação oficial, além do Boletim Unificado de furto ou roubo (BO) em formato PDF. Durante o processo de abertura da solicitação, será enviado um código verificador via SMS para o número de celular cadastrado no Detran|ES para a validação do processo. Não há cobrança de taxa para esse tipo de solicitação.

Se o cidadão não tiver acesso à internet em casa, ele pode agendar o atendimento presencial em uma unidade do Detran|ES para solicitar a segunda via da CNH. O agendamento deve ser feito no site www.detran.es.gov.br. Com essa facilidade, é possível evitar filas e burocracias desnecessárias e resolver a situação de forma rápida e prática.

Atualização de dados para receber a CNH  

É importante lembrar que para solicitar a segunda via da CNH, o endereço cadastrado no Detran|ES deve estar atualizado. Caso contrário, o documento será enviado para o local incorreto e poderá se perder ou ser entregue a uma pessoa desconhecida. Por isso, antes de solicitar a segunda via, é necessário atualizar o endereço por meio do serviço “Alteração online de endereço” disponível na área de Habilitação do site do Detran|ES.

Ao acessar o cadastro do Acesso Cidadão, o condutor pode verificar o endereço registrado e fazer a atualização, se necessário. Isso garantirá que o novo documento chegue corretamente ao seu destino.

Além disso, se o condutor precisar alterar algum dado da CNH, como o nome ou a categoria, ele deve se dirigir a uma clínica credenciada pelo Detran|ES para realizar o procedimento. É importante lembrar que qualquer alteração na CNH só pode ser feita pessoalmente e mediante pagamento de taxa.

CNH Digital  

Os condutores também podem utilizar a Carteira Nacional de Habilitação Eletrônica (CNH-e) no aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT), que pode ser baixado em aparelhos celulares com tecnologias Android e IOS.   

Clique aqui para acessar o tutorial e habilitar a CNH-e.   

A Carteira Digital de Trânsito é desenvolvida pelo Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) para a Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran) e, atualmente, unifica todos os documentos de trânsito, ofertando mais praticidade e segurança. O aplicativo é protegido por uma Chave de Acesso e os dados estão criptografados. Ainda assim, caso o condutor tenha perdido o aparelho celular em que a CNH-e está cadastrada, ele pode desconectar o dispositivo no Portal de Serviços da Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran), forçando, assim, a remoção dos documentos digitais do dispositivo perdido ou roubado.